Canja de Ano Novo e novas tradições

Dizem, eu acho, que a gente também casa, junta, namora a família das pessoas com quem estamos. Se isso é verdade, acredito que também casamos, juntamos e namoramos as tradições dessas famílias. E eu tenho tido muita sorte de me relacionar com os melhores legados culinários.

Este ano começou com uma clássica canja de Ano Novo, da família do mozão, que, apesar do calor, é a comida perfeita para uma ressaca de ceia, espumante e whiskey que cruzou os limites de 2019 e nos acompanhou até 2020.

Espero estar começando algo que se torne tradição entre os Passos e quem mais acabar se juntando aqui: o pão de Ano Novo. Sovado com a força que a gente juntou no ano anterior e recheado do que tiver tiver na geladeira dando sopa. Como a sopa literal estava no fogão, quem foi para o pão foram as azeitonas pretas.

pão integral caseiro com azeitonas pretas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.